Diário – 25/06/09

A aula começa, teoricamente, às 7:10h.

Por conta do horário do ônibus as aulas começam 7:30h – aqui não ganhamos difícil acesso, mas é.

Isso quando tem professor, pois a grande maioria não chega no horário – nem os alunos.

Quando eu venho, chegamos eu e mais uns dois neste ônibus das 7:30h. Só. Os outros chgam mais tarde, ou seja, quase no final da primeira aula – os alunos também.

Ãhn? Quê? E quem tem carro?? Chega atrasado também.

Deve ser por causa do ônibus…

Hoje entrei em sala às 7:30h e alguns alunos já estavam dependurados na janela quebrada tacando coisas para fora, enquanto outros – de outra turma – estavam do lado de fora tacando coisas pra dentro. Que lindo!

Em determinado momento voa para dentro de sala, pelo buraco do basculante quebrado, uma garrafa Pet. Vai ver, eles são “ecológicos”, porque reutilizaram a pet como objeto de violência. Que bonito!

Após algumas manifestações de minha parte para que saíssem da janela, e com a fuga dos que estavam do lado de fora, eles sentam.

Pingam os outros alunos até umas 7:45h, quando efetivamente começamos a aula, que termina às 7:55h.

Faço a chamada, olho dois ou três cadernos, dando vistas no exercício.

A outra professora pergunta se eu posso “segurar” até as 8h. Posso.

Antes das 8h escuto algumas acusações de “roubo” de caneta, borracha e um anel (que um ‘amigo’ da furtada estava sentado em cima).

Oito horas a aula acaba e vou para outra turma.

Declev Reynier Dib-Ferreira

Professor (ainda)

2 comentários sobre “Diário – 25/06/09

  1. Amigo Declev
    Li seu artigo e, como sua companheira de profissão, e, especialmente de escola, sinto-me levada a comentar um aspecto que particularmente me toca.
    As aulas, realmente começam às 7:30, por absoluta falta de quorum: de alunos, professores e funcionários.
    Eu tenho carro, bem sabes. No início do ano me predispuz a chegar no horário, e realmente o fiz. e, por diversas vezes, junto com a Carla, fiz companhia ao zelador.
    Nada contra novas amizades, o problema é que fiz concurso para professora, não para porteira. Dessa forma, resolvi engrossar o cordão, e começar as aulas, impreterivelmente, às 7:30.
    Bjs

Os comentários estão encerrados