Surdos-mudos podem “cantar” num coral?

Sempre que posso disserto sobre a capacidade humana.

Acho simplesmente fantástico o que conseguimos fazer… de bom.

Como pode as mãos que constroem tantas coisas lindas construir armas?

Ontem mesmo escrevi sobre isso no meu Filosofia Barata: Do que o ser humano é capaz?

Mas minhas divagações vêm especialmente em função da nossa profissão de professor: quantos passam pelas nossas mãos e não damos valor?

Quantos talentos desperdiçamos?

Quantos dons não sabemos ou não conseguimos valorizar?

Mesmo que vejamos, queiramos, busquemos… quantas possibilidades o sistema nega a quem necessita?

Como quebrar o gesso que nos imobiliza?

Já refleti sobre este assunto ao assistir um filme, o que gerou o artigo, aqui no Diário do ProfessorQuantos talentos deixaremos escapar pelos nosso dedos?

Agora, o que me faz refletir é o emocionante pedaço do episódio de Glee, série estadunidense que retrata um coral escolar, ao qual tive a oportunidade de assistir na TV e agora está disponível na internet; viva a internet!

Do que é capaz alguém com alguma deficiência?

Surdos-Mudos podem “cantar” num coral?

Contraditório?

Veja por você mesmo, e tente não se emocionar…

http://www.youtube.com/watch?v=FdIvQ_MsjKc

Abraços,

Declev Reynier Dib-Ferreira
Talentoso, por ser humano